PROCURADORIA GERAL DA FAZENDA NACIONAL (PGFN) RECONHECE QUE O ICMS NAS AQUISIÇÕES DEVE SER COMPUTADO PARA FINS DE CREDITAMENTO DE PIS e COFINS.

PROCURADORIA GERAL DA FAZENDA NACIONAL (PGFN) RECONHECE QUE O ICMS NAS AQUISIÇÕES DEVE SER COMPUTADO PARA FINS DE CREDITAMENTO DE PIS e COFINS.

Saiba mais, clique no link do parecer da PGFN: parecersei14483-2021-despachopgfn.pdf Comentário: Esclarecendo a matéria e o temor trazido aos empresários no Parecer nº 12.943/2021 da Receita Federal do Brasil (RFB), a Procuradoria Geral da Fazenda Nacional (PGFN), através do Parecer